AI VAMOS?

 

É esta a pergunta que se nos coloca, neste momento!

Pois, não podemos trabalhar, ao abrigo da resolução do Conselho de Ministros, nº88 – A/2020, de 14 de Outubro, que declara a situação de emergência e, conforme esclarecimento recebido por parte do Ministério da Economia e da Transição Digital.

E porque depois de termos tomado todas as medidas de segurança e incrementado mais práticas preventivas face à realidade que vivemos, não entendemos a razão desta deliberação.

Porque acreditamos verdadeiramente que a atividade física é também uma forma de promover saúde (física, mental e social) e não apenas a ausência de doença, estamos extremamente desapontados com esta decisão.

Nessa óptica, aquilo que desde o início desta pandemia se tornou um símbolo de esperança e de positividade, passa cada vez mais a ser uma visão obscura para o nosso setor e, mais importante, para as nossas pessoas (sejam utilizadores ou colaboradores) que são, para quem nos conhece, o mais importante da nossa organização - AS PESSOAS.

Assim, num contexto que sempre nos caracterizou de vida, de calor, de energia, aqui representado pelo amarelo, deixamo-vos o nosso arco-íris, que se desvanece de positividade e de esperança para antes ser de angústia, escuridão, tristeza, que neste momento nos assiste.

Por isso, perguntamos.... AI VAMOS? Num futuro que, estas resoluções, transformaram em obscuro.

Este site usa cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização Está a usar um navegador desatualizado. Por favor, actualize o seu navegador para melhorar a sua experiência de navegação.